cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
Highlighted
Moderação
Moderação

Ashe: Mãe de Guerra Edição nº4 (SPOILER)

AVISO: Esse post e os comentários possivelmente podem conter spoilers, então se você ainda não leu as HQs até o volume mais recente, recomendo que dê uma passada aqui nesse lik pra ficar por dentro de tudo antes de pegar um spoiler aleatório sem querer nevagando por aqui.

 

image.png

 

Hoje saiu o último volume da HQ da Ashe finalizando esse arco da história dela e essa série de HQs que depois será lançada como uma Graphic Novel, e queria saber o que vocês acharam dessa HQ e de toda série focada na Ashe e em Freljord.

 

O que eu achei:

 

Spoiler

- Adorei a série como um todo mesmo não sendo tão fã da Ashe simplesmente porque ela nos mostra de forma mais profunda como funciona toda a cultura e sociedade tribal de Freljord, e eu como rato de lore amo esse tipo de coisa pra deixar a gente mais imerso nesse universo.

 

- Mesmo não tendo muito apego pela Ashe, adorei a escolha dela e como protagonista porque conseguiu abordar muitos pontos importantes de Freljord como a fé nas Três Irmãs e todo o impacto do sistema de matriarcado tribal em cima das pessoas, e principalmente, deu uma profundidade pra Ashe e de todo o mito que se gerou ao redor dela que me fez enxergar a personagem com outros olhos e agora até simpatizo bastante com a mesma.

 

- Sobre o capítulo final, gostei muito de como expandiu a relação da Sejuani com a mãe e a tribo dela e como isso a tornou na líder fria e impiedosa que ela é hoje, assim como nos mostrou o porque da relação dela e da Ashe ter chegado aonde chegou e como esse último encontro as moldou para seguir rumos diferentes com sua liderança.

 

- Um ponto que eu não gostei nas HQs foram as cenas de luta, algumas ficaram bem confusas ou não foram muito bem exploradas, em muitos casos eu não conseguia entender exatamente o que estava acontecendo e meio que tinha que deduzir o que acontecia.


- Um ponto que eu achei super legal no tom de toda a saga, é que ela trás uma ideia constante de que é o destino que está regendo o caminho de todos ali o que entra em sintonia com toda a ideia de Ashe e Sejuani serem reencarnação de Avarosa e Serylda e entra em contraste com toda a descrença e ceticismo da Ashe com relação ao mitos e vontade de trilhar seu próprio caminho, o que no fim faz com que você não tenha exatamente uma opinião concreta sobre os acontecimentos e continua abrindo margem para os mesmos temas voltarem a serem explorados no futuro (Será que o arco de fato pertenceu a Avarosa? Será que elas são mesmo encarnações das irmãs? Será que realmente tem uma força ou destino regindo o caminho de Ashe e Sejuani para conquistarem Freljord para confrontarem Lissandra?)

Deixem nos comentários o que vocês acharam dessa HQ, de toda essa saga da Ashe, do final desse arco, da imagem que ficou pra vocês da personagem e de toda a região de Freljord e bora discutir as nossas teorias sobre o que vai acontecer em breve.

6 RESPOSTAS
Highlighted

Quer bela porcaria em,esperava mais da Marvel nesses quadrinhos. Tomara que nem toque na minha Poppy
Highlighted
Arauto
Arauto

Eu achei incrível essa ultima edição. Por um momento (a partir do final da #3 edição) eu achei que a Sejuani e Ashe virariam aliadas, levei um susto porque achei que iriam tirar essa "rivalidade" das duas. Mas com o passar da história foi muito legal como explicaram como surgiu essa rivalidade exatamente. Elas são quase iguais a rivalidade da Kayle e Morgana porém de forma diferente. Porque Ashe e Sejuani tem um passado, possivelmente grandes aventuras que fizeram a Sejuani criar esse lado afetivo pela Ashe enxergando ela como uma irmã (o mesmo vindo da Ashe), porém ambas terem um estilo de vida diferente e tribos diferentes. Eu simplesmente gostei bastante dessas HQs, estou muito ansioso para o quando chegar a da Lux e mostrar todos os personagens envolvidos em sua história. Isso é muito legal!
"A gente consegue! Bom EU consigo, você só da uma força."- Ezreal.
Highlighted

Não sei colocar esse link de spoiler mas vai ter SPOILER.

Eu fiz o tutorial jogando de Ashe. E levei muito a sério a classe, ADC/SUP. Até hoje jogo de Ashe ADC e SUP e peguei maestria 7 com ela. A LORE era rasa mas eu já gostava das falas. Hoje em dia casa vez que eu ouço "Avarosa guie-me" sinto algo muito bom. Também me emociono olhando a estátua de Avarosa no Aram e adoro quando o vendedor fala de Avarosa.

Eu não tenho nada contra a princesa que só existe pra ser resgatada tipo, Zelda, Peash, Helena, Europa, Mary Jane nos três primeiros filmes da Sony e tantas outras.

Só que o LOL você joga com mulheres fortes líderes. E a HQ mostra isso com muito propriedade. A cultura delas ser matriarcal e ter sido tão bem explicado. A parte em que ela chorava vendo a morte dos seus pais me fez chorar junto. Foi uma lindo arco de apresentação de uma personagem muito legal, só reclamo porque gostaria de muito mais histórias e nesse nível de qualidade. As lores escritas estão terríveis de tão mal feitas.

Também queria uma Ashe de cabelo branco sem capuz.


https://twitter.com/wahregesicht
Highlighted


@Wahre Gesicht  escreveu:
 A parte em que ela chorava vendo a morte dos seus pais me fez chorar junto. 



Meu Deus me bateu uma bad nessa parte também, ver as pessoas que cuidaram de você morrendo uma a uma pra te proteger, e até mesmo a Grena que era uma guerreira fortona não dando conta do recado, foi bem pra tirar as esperanças...

Highlighted

Obrigado, Riot. Os quadrinhos estão fenomenais, continuem com as histórias e expanda ainda mais o universo para fora do jogo. Como um amante de quadrinhos, principalmente da Marvel, costumo me sentir como um herói e na história da Ashe/Sejuani me senti como um verdadeiro Glacinata ou Avarosiano kk'.

Parabéns novamente!

Sim! Só que a parte que emocionou foi a morte dos pais homens. A morte da Grena eu levei de boa (desculpe).
Mas é que eu achei muito bonito isso da Grena ter vários companheiros, não se ter certeza absoluta de qual é o pai genético, (embora se tenha dado a entender que era o primeiro que fala com ela no nº1) e chamar todos de pai independente de qual é o biológico. Eu como jurista defendo que uma pessoa possa ter vários pais. Embora o machismo não aceite isso ainda, no meu município "Crato" já houve um caso assim que foi noticiado no meio jurídico.
Ultimamente o meme do "gado" e do "corno" está enchendo o meu saco. Um homem não pode tratar bem uma mulher que todo mundo spama gado, gado, gado! E de forma ainda mais cruel chamam as pessoas de corno em situações até involuntárias. Tipo um marido que aceitou a mulher grávida em uma violência sexual. Pra mim é um herói pro povo aí da internet é "corno". Qual a necessidade de ter um xingamento pra xingar vítimas de crimes? Eu não sei.
https://twitter.com/wahregesicht