cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
Highlighted
Tropa
Tropa

Poema: A trama e o tecer do destino guiam.

Não se assuste quando a vida se esgotar, apenas flutue gentilmente para o oblívio

Não pode fugir de nós, sempre fizemos isso, deixe de lado tal pensamento vil

A vida se quebra tão facilmente, e pés se cansam com facilidade

Escolha: Flecha ou dentes. Chegou a hora da verdade.

 

Observamos sua vida, seus caminhos, e sua sorte

E agora sua vida acabou, deixe a vida se esvair através do meu corte

Não se preocupe com a dor, eu nunca errei antes, não importava o porte

Tenha fé, pois a minha flecha é afiada o suficiente para cortar o véu entre a vida e a morte.

 

Não se preocupe caro lobo, logo despertaremos deste leve adormecer

A caçada recomeçou, e eles já tem nossa marca, como há de ser

Não somos sonhos, somos o despertar, e chegou a hora de acordar você

Aceite que chegou a hora, Não, fuja. São tantas as maneiras de morrer…

 

Não faz diferença, aqueles que nos temem, são os que mais nos dão poder

Mas deixe-nos dar uma dica, a única morte de verdade, é nunca viver

Perceba, aqueles que fogem da morte, estiveram inertes em vida

Mas você sempre pode fugir, o medo deixa a perseguição mais divertida.

 

A sua morte reflete sua vida, uma vida tênue que chega a sua conclusão

Não tentem fugir do lobo, isso é apenas uma infeliz ilusão

Mas se escolherem esse caminho, espero que tenham pernas fortes

Pois o lobo os perseguirá, até que se concluam suas mortes.

 

Não somos nada além do ínicio do fim

Nada além dos guias que tudo que existe deve encontrar

Todas as coisas, grandes e pequenas, morrem

E quando sua hora chegar. tenha certeza, estaremos lá.

 

Diga me ovelhinha, que coisas posso tomar?

Tudo que existir, caro lobo.

Então vamos logo para a próxima marca

Mal posso esperar para que fujam de novo.

 

E assim o fizeram, o lobo se deleitava enquanto eles fugiam

Não há escapatória, a trama e o tecer do destino guiam

Eles sabiam que viríamos, e agora ouço o bater rápido do seu coração

Mas faça silêncio, Ovelhinha, palavras estragam a perseguição!

Tags (1)
0 RESPOSTAS