cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
Highlighted
Aronguejo
Aronguejo

Talvez seja sobre isso que eu deva refletir...

Dr. Mundo sai do trabalho preparado para enfrentar uma grande chuva acompanhado de sua sombrinha, sempre atento a tudo desde os carros até o cheiro d'água quando colido com chão.

Andando entre pessoas apressadas para lugar nenhum, quase deixa passar despercebido um detalhe que o deixaria comovido; Uma jovem caminha pelas ruas, escondendo o rosto como se a maior dor do mundo fosse as suas!

-Alto la! Lagrimas aqui são difíceis de serem vistas, então por que choras na chuva já que ninguém oferecerá nenhuma ajuda?


A moça um pouco embasbacada com o médico que a observava em tempos tão agitados, decide calmamente retormar a postura e iniciar suas palavras gentis:

 

- Na verdade, a verdade lhe digo: Não choro por ajuda e sim por um amigo!

 

- Depois de estudar tanto, tenho certeza que poderia ajuda-la a secar seu pranto!

A moça de cabelos loiros, franzina, e de voz gentil, passa a adotar uma postura de repulsa pelo grande DR que se encontra oferecendo ajuda:

 

- Ora, não me entenda mal, apenas deixe-me ajuda-la para que um sorrizo pudesse, seu rosto, toma-la. - diz o Doutor.

 

- ...

 

- Uma jovem tão bonita se mostra ser tão amarga, por que se entristece se com essa aparência homens não a faltara?

 

- Por isso me encontro disfarçada na chuva, para fugir de pessoas com idéias tão imundas! Se precisas de alguém para ajudar, olhe ao redor nesse mesmo lugar!? Pessoas que, por sua vez, encontram dificuldade na sensatez.

 

- sempre ás vi em volta, mas nunca me perguntei: Por que caminham tanto, mesmo depois de velhos, já que minha alegria aqui encontrei?

 

- O Dr. pode se afastar dessa nossa realidade, mas não a afasta dos outros, aqueles que ainda se mantiveram humanos carregam cruzes por trás de seu torso. Se busca um paciente precisa se alertar, pois todos estão tristes aqui nesse lugar!

 

- Desculpe minha falta de bom senso, acho que me encantei pelos seus olhos cheios de lamento. Olhos esses que tem a cor do mar, lembrando minha jornada, e por isso não queria a ver chorar! Se irá visitar seu amigo gostaria de lhe acompanhar, talvez eu o possa alegrar!

 

- Meu amigo já nesse mundo não está! Mas creio que suas palavras o possam alegrar...

 

- Me sinto honrado em receber tamanha confiança, prometo que talvez um dia lhe darei minha aliança!

 

- Somos tão diferentes, principalmente no rosto, por que eu deveria me consolidar com um monstro?

 

- Na verdade, a verdade lhe digo: Monstros não são definidos pela aparência de quem a tem, mas sim de quem a julga!

 

- Desculpe, acho que o julguei de má fé, então, como desculpa, o senhor gostaria de comigo tomar um café?