cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
Kaizieth
Tropa
Tropa

O que faz um Campeão ser DIVERTIDO de jogar?

Eu quero falar nesse post sobre algo que percebi no jogo que faz com que um campeão seja divertido e recompensador de jogar e aprender. Na minha opinião o modelo de design da RIOT para campeões novos e reworks novos tem sido esse. E os três pontos que percebi são: 1.Skillshots
2.Dash Indireto
3.Posicionamento
Falarei de cada um no decorrer do post.

1.Skillshot
A presença de skillshots no kit do campeão faz que com que acertar a habilidade seja recompensador, pois ela revela o nível de habilidade do jogador. Isso acontece de forma que quanto mais se treina com o campeão, mais satisfeito o jogador se sente ao conseguir predizer o movimento do inimigo e o acertar, conhecer a velocidade e range de sua skill e usar isso de forma efetiva. Pense em campeões como Lux(Q), (E) e os snipes com a Ultimate. Aatrox(Q),(W) ou também Ahri(Q),(E).

2.Dash Indireto
Esse termo eu usei para definir skills de movimentação que permitem a escolha da trajetória da habilidade ao invés de um dash point'n'click. Esse tipo de escolha permite a expressão do jogador e de seu modo de pensar ao criar uma jogada e dá uma liberdade de se movimentar pelo mapa. Pense em campeões como Camille (E), Vayne(Q), Riven(E). Em contrapartida, campeões como Jax(Q), Xin Zhao(E) e Alistar (W) são previsíveis em relação a sua movimentação, já que seus dashes são point'n'click. Na minha opinião, isso faz o campeão ser tedioso e não permite ao jogador escolher como se movimentar e o que fazer com seu campeão. Embora a Irelia (Q), Yasuo (E), Katarina (E) têm dash de point'n'click, a mecânica deles permite escolher o ângulo para usar a habilidade, permite um reset ou baixo cooldown para se usar a habilidade várias vezes para escolher aonde ir, dessa forma, permanecem como dash indireto.

3. Posicionamento
Nesse ponto, o que eu quero dizer são skills baseadas em posicionamento. Exemplo: Espada espiritual do Shen, Barris de pólvora do Gangplank, vários campeões com armadilhas que são posicionadas no chão. Essa mecânica de posicionamento das habilidades e do campeão, mais uma vez, permitem a expressão da habilidade e do pensamento do jogador, pois permite escolher o que fazer ao invés do jogo escolher pelo jogador.

Quero dizer aqui que não é necessário dar a todos os campeões, todas essas mecânicas para torná-los interessantes, mas pelo menos uma delas eu acho necessário. E também, quanto mais dessas mecânicas são adicionadas, mais difícil de dominar, o campeão se torna, por isso deve-se haver um equilíbrio de acordo com a identidade do campeão e a intenção da RIOT ao desenhar ele.

Os campeões que mencionei no post são os que vieram a minha mente enquanto escrevia, mas pode-se pensar em todos eles para comparar.

Essa é minha percepção a respeito do que a RIOT vem fazendo e dizendo que torna os campeões interessantes e divertidos de jogar. Esse post oferece um meio de pensar mais concreto aos jogadores e à própria RIOT Games em relação ao design de campeões.

Quero que quem ler esse post pense a respeito dos campeões que acha divertido jogar e se o que eu disse faz sentido. Obrigado por sua atenção.
11 RESPOSTAS
Favriel
Dragão
Dragão

Eu acho que um campeão ser divertido ou não depende muito do jogador, por exemplo 90% da comunidade adora Lee sin mas eu acho o boneco mais sem graça de jogar da jg (pra mim). Mas o que vc disse tá certo mesmo, é por isso que campeões tipo Yasuo são populares, eles dependem muito da habilidade do jogador diferente de campeões como Ashe que praticamente jogam sozinhos

Vlw mano
Brave Bird
Lenda
Lenda

Eu acho que depende do jogador, tem muita gente que acha jogar de Ezreal super divertido e etc, eu já acho Ez um champ muito chato, horrível e de covarde.

Eu gosto de champs com mobilidade, autoataque e kiting.
Os campeões que eu acho mais divertidos pra mim são: Irelia, Kayle, Quinn, Ashe, Akali, WW, Gnar. Eu me divirto bastante jogando com esses.

 

O que vc falou faz sentido sim. Eu sou main Ashe, gosto muito de jogar com ela mas eu confesso que se ela tivesse algum tipo de dash ou mais mobilidade iria ficar 1000000000000000% mais divertido. Pq vc abre portas para plays inesperadas, tanto pra fugir como de engage. Na Ashe vc nao tem isso, é uma metralhadora de chão, único recurso divertido é o kiting.

Por isso a Riot tá sempre lançando champs ultra ágeis


Obrigado pela resposta. E o que vc diria que chama a sua atenção em cada um desses campeões? O que vc gosta de fazer com cada um deles?


@Kaizieth  escreveu:
Obrigado pela resposta. E o que vc diria que chama a sua atenção em cada um desses campeões? O que vc gosta de fazer com cada um deles?

Irelia: É muito divertido sufar com o Q dela, quando vc tem mais experiência com o champ fica prazeroso vc surpreender o inimigo dando um dash rapido, combando com a ult + E, resetando os Q certinho. Gosto dela por isso

 

Quinn: Além do kiting o E dela é mt divertido, dá pra usar tanto pra fugir se vc manjar dos paranaue como pra dar engage e explodir os carry

 

Kayle: é a rainha do kiting na minha opinião, não gosto de fazer ela 'pesada', sempre buildo o max de atack speed que der e deixo ela com 3,3 de vel atck nas tf kkkkk eu acho isso muito divertido

 

Ashe: o kiting também

 

Gnar: Kiting e a possibilidade de fugir com o E ou dar engage. Tem combos tbm com a mecanica de transformação.

 

WW: é muito divertido vc correr atrás dos caras com pouca vida, usar o Q segurando ele pra grudar no cara e fazer ele gastar flash atoa kkkkkkk (ww eu gosto de buildar mobilidade pra ele correr mt)

 

Akali: Vários combos com muita mobilidade

 

É isso :v

 

 


Top
Chokkus
Dragão
Dragão

Campeões divertidos pra mim, são campeões diferentes.

Sou main mago, claro, e meu main é Aurelion Sol, por sinal.

Vel'Koz, Vladimir, campeões que, apesar de terem um arquétipo definido ("mago de poke", "mago de burst"), são diferentes de outros que se encaixam no mesmo grupo.
Já tomou seu café hoje?
Adc vida loka
Arauto
Arauto

Assim sou main graves adc e que eu gosto são campeões com mecanicas que exige um certo dominio mas que vc num precise de um enem pra dominar o champion como kalista e azir, eu adoro jogar com adcaster: mf, corki, jhin, ez,graves, no qual eu dependo mais do meu posicionamento e quando usar a skill no momento certo, mas o champion mais divertido varia da pessoa ja que cada pessoa e unica cada um vai se afeiçoar pelo champion por um ou mais motivos, seja ele lore,kit,mecanica,aparencia ou personalidade do champ


@Favriel  escreveu:
Eu acho que um campeão ser divertido ou não depende muito do jogador, por exemplo 90% da comunidade adora Lee sin mas eu acho o boneco mais sem graça de jogar da jg (pra mim). Mas o que vc disse tá certo mesmo, é por isso que campeões tipo Yasuo são populares, eles dependem muito da habilidade do jogador diferente de campeões como Ashe que praticamente jogam sozinhos

Eu não acredito que o Yasuo ser popular está relacionado com dificuldade ou não no kit dele, senão ele não seria um campeão infinitamente mais popular nos elos baixos do que nos elos mais altos. Eu gostaria também de retificar uma questão: Yasuo não é um campeão dificil, ele é um campeão com uma grande capacidade de aprendizado. Isso significa que ele possui diversas coisas que podem ser aprendidas que em tese, aumentam a sua habilidade de usar o personagem, tendo uma "progressão virtualmente infinita". Só que isso apenas significa que ele tenha um teto alto de habilidade, não que ele seja um campeão difícil. Uma prova disso é que mesmo com essa janela de aprendizado, ele possui uma taxa de vitória mais alta no Ferro/Bronze (53%) do que no Diamante/Mestre (48%). Para fins de consistência, esses dados vieram das estatisticas mundiais do patch 9.16. Pessoas que são muito boas de Yasuo obviamente tem o meu respeito e não é algo fácil de se alcançar, mas o Yasuo de longe não é um dos campeões em que as pessoas tem mais dificuldade quando jogam pelas primeiras vezes.

Sim, o caso do Yasuo é algo semelhante ao do Vladimir ou da Zoe.

Não são campeões difíceis de se jogar, são difíceis de se dominar, tem tetos de habilidade altos, não curvas de aprendizado.

Um exemplo de campeão com curva de aprendizado alta seriam Aurelion Sol, Azir, ou mesmo Singed.

Campeões que não tem muito o que dominar realmente, mas que são difíceis de se aprender. As primeiras partidas com eles costumam ser horríveis, mas depois de se aprender, jogar com eles parece bem mais fácil, e sem muito mais o que dominar.
Já tomou seu café hoje?
draconianoz
Aronguejo
Aronguejo

Eu sempre gostei de campeões relativamente simples, variando entre tanks assassinos e duelistas, mas o que eu sempre gostei é que eles tenham a possibilidade de deletar um inimigo ao acertar sua skill principal, Exemplos: Fizz, malphite, cho gath, nautilus, leona todos campeões que tem um grande potencial de all in caso acertem o seu controle de grupo