cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Blitz do Nexus só evidencia a toxicidade das pessoas no jogo

E ai pessoal? Sei que esse tipo de assunto é meio que recorrente, mas que dos longos anos que estou aqui no lol, percebo que sempre quando tem esses modos 4fun (pq o intuito de urf e blitz do nexus é divertimento), mas é ai que a gente vê o quanto existe gente tóxica dentro do jogo. Fica até chato de jogar, pq vc entra pra divertir e ja tem gente te xingando, até pq eu acabo escolhendo boneco que eu não costumo jogar.

Mas ai que tá. Eu acredito que muito disso é justamente pq partidas não rankeadas a questão das punições pela Riot não é levada muito a sério. Quantas vezes ja reportei gente tóxica em aram e que não deu em nada.... Ai chega agora no Blitz do Nexus ou qlq partida não rankeada, esses tóxicos já solta a famosa frase: "pode reportar, não vai dar em nada". E Realmente, não da em nada.

E acho que outro ponto que acontece é que a gente precisa criar um bom senso na hora de reportar, pq o que venho percebendo é que esses haters quando nao gostam do seu jogo, ees começam a pedir no /all pra que te reportem, e reportam os outros só pq nao gostaram de como vc joga... Mas enfim, o objetivo aqui é dizer que nós tbm precisamos tentar criar essa comunidade menos tóxica possível, pra quem sabe a Riot tbm tentar fazer alguma coisa.

Desculpem o textão. Mas quero mais deixar isso aqui pra uma reflexão mesmo. Ngm é obrigado a saber jogar, eu jogo por diversão quando tenho tempo livre, e justamente por isso eu acabo jogando mais esses modos 4fun, quase nunca jogo ranked, pq eu imagino que se nesses modos já tem esse monte de gente tóxica, imagina em ranked?

É isso, é mais um desabafo mesmo, e eu espero que a Riot faça algo, pq a gente ta cansado de reportar e não da nada, só endossando a frase "pode reportar, não vai dar em nada", infelizmente!


6 RESPOSTAS

Nunca joguei blitz mas seu post me deu vontade, vou jogar agora 🙂

É bem divertido Blitz, e um jogo mais rápido! Eu adoro quando tem esses modos. Pena que as pessoas tóxicas achm que vc tem que ganhar e ficar 23/1/35 todos os jogos, se não vão te xingar =/
casulo
Aronguejo
Aronguejo

Boa noite, campeão!

Desculpe por você ter passado por alguma frustração dentro do jogo, mas você pode mandar ticket denunciando um jogador, por mais que não seja a forma ideal de reportar alguém, até o momento é o mais eficaz!

Espero ter ajudado!

Dizzie
Lenda
Lenda

Realmente, a pouca eficiência do sistema de reports da Riot somado à ausência de feedback/transparência por parte da empresa é desanimador.
Me questiono se o antigo Sistema do Tribunal seria viável hoje em dia.
Rydrake
Barão
Barão

Da-lhe o mute todos 😄 ❤️

JhonnyBowie
Tropa
Tropa

Bom, essa questão do "jogador tóxico" já percebi em pouco tempo de jogo. Acredito, que muitos jogadores tem um ideia equivocada de competição, sem nenhum sendo de ética e moralidade, no sentido da "competição pela competição" sem compreender que dentro deste processo "esportivo (?)", existem milhares de discussões em torno de como as relações interpessoais são constituídas dentro dos games. Por um momento, pensei sobre a questão da maturidade, pois muitas das vezes vejo comportamentos "infantilizados" de classe média. Entretanto, não podemos relativizar tanto o comportamento de uma pessoa que se torna agressivo e destruidor, pois de fato, pelo que já li, muitas subjetividades foram aniquiladas ao longo da sua "jogatina". Bom, já vi casos de pessoas que desenvolveram quadros depressivos e ansiosos em detrimento dessas violências cotidianas que sofrem no game. 

  Enfim, acho que reportar é importante, sempre o faço, mas procuro evidenciar o máximo possível os motivos, sempre ancorando na construção de um bom discurso, para deixar bem óbvio para a equipe da Riot, não sei qual é responsável por isso, os limites de determinados comportamentos e seus desdobramentos da vida do outro. Tendo em vista que não são "críticas construtivas" e muito menos um "comportamento amistoso", são formas específicas de violência discursiva e simbólica (quando a pessoa fica criticando e dizendo qual item você fez errado) no sentido de destituir o sujeito da autonomia do seu jogo. Todas essas relações que são construídas com esses sujeitos "tóxicos" (que obviamente andam por aí, na vida real), envolvem muita violência, falta de senso esportivo, e obviamente, um desejo de "violentar o outro", de aniquilar o outro, imputando a culpa (muitas das vezes) da sua frustração e do seu fracasso pessoal no coleguinha. 

Muito chato, porém real...