cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Por que eu jogo League of Legends?

Por que eu jogo esse jogo?

- Eu comecei a jogar em 2014. Na época, a tela de login do cliente mostrava as versões animadas das splash arts dos campeões e skins mais relevantes lançados em determinadas atualizações. A minha tela de login foi a do lançamento do Braum. Desde lá, muita coisa mudou. Muita coisa me traz saudade, como Hexakill, Crystal Scar, Twisted Treeline, Ascenção. A primeira vez que eu joguei Bots da Condenação, aquele Tibbers gigantesco me assustou pra um ca$%&%$!!

Então, depois de um tempo, eu comecei a cansar do jogo. Não melhorava meu desempenho nas partidas ranqueadas, nem sequer tinha amigos que jogassem comigo. (Hoje até tenho, mas quase nunca jogo com eles)

Alguns meses depois eu voltei. Isso perto de 2015/2016. E desde então eu me pergunto isso... Por que eu jogo esse jogo? Não fazia sentido pra mim! Eu, ainda por cima, me estressava MUITO jogando. Os jogadores são, muitas vezes, tóxicos. Seus próprios aliados te ofendem se você faz uma jogada errada, se você está jogando mal. Eu fazia parte dessa parcela, não vou negar, mas hoje sou diferente. Eu quero fazer diferente, mas não é sobre isso que eu vim falar.

O ponto é: para que eu vou jogar algo que me estressa? E pra piorar, pra jogar sozinho ainda???

E hoje eu entendo. Não é só pela competitividade, pela vontade de atingir o Desafiante, ou pra jogar com amigos. Eu praticamente jogo sozinho desde sempre! Tem muitas outras coisas no meio.

É o tratamento da Riot com os jogadores. O suporte da Riot foi a melhor experiência em suporte de games que eu já tive até hoje. Eu tenho exatamente 30 tickets abertos já no suporte da Riot, sendo o primeiro em 28 de julho de 2015. Já fiz as perguntas mais toscas possíveis para o suporte, inclusive coisas não relacionadas com problemas técnicos, e eu não tive, até hoje, absolutamente nenhuma experiência ruim. Sem contar com o tratamento super amistoso e agradável que os atendentes têm com a gente. Parece que estou falando com um amigo e não com o sistema de suporte de algum jogo, e esse diferencial tem que ser exaltado.

Além disso, a Riot (muito embora nem sempre, e pode acabar sendo meme, mesmo priorizando os 200 anos da história em desenvolvimento de design de jogos) escuta seus jogadores. Está sempre atenta ao que a comunidade diz e, mesmo que, por vezes, tardiamente, tenta atender ao que falamos. Poxa, olha a mudança que fizeram na questão de lore do jogo, só porque eles sabem que muitos jogadores, eu incluso, gostamos das histórias dos personagens e do jogo no geral. Isso pode motivar criações de eventos magníficos e personagens novos. E isso é só um exemplo. Existem outros. Eles ainda estão sempre nos dizendo com antecedência as intenções que eles têm e estão sempre tentando trabalhar em formas saudáveis de comportamento no jogo.

Outro ponto, é o riquíssimo mundo de Runeterra. O jogo possui uma variedade tão grande de personagens, das mais variadas personalidades, que é muito difícil encontrar um que você não se identifique. A Vex, para mim, só pelo que já sei dela, será o primeiro personagem que eu poderei dizer que sou MONO, literalmente. Só não é o Veigar porque a gameplay dele, para mim, é meio ultrapassada e monótona. Divertida por vezes. Mas enfim, o mundo de Runeterra é muito variado e possui histórias cativantes (esperamos que eles façam uma melhora para o final definitivo do arco do Rei Destruído). Atualmente o jogo está, literalmente, parecendo um mundo vivo, se mudando e atualizando conforme a história de Runeterra progride. Isso é mágico!

Além disso, o capricho nos designs de skins e campeões são inegáveis. Cada splash art de campeão novo, de skin nova, é uma obra de arte à parte (você não, Sivir Odisseia). As localizações das skins lendárias (olha as skins Congregação das Bruxas!) são como localizações de toda uma história contada por meio das falas dos pesonagens.

E tem também a nostalgia e a saudade de jogar com aquele campeão que você jogava há um tempo (muito embora alguns recebam rework, e o único que eu não gostei foi o do Aatrox. Não pelo resultado, mas por mudarem muita coisa DEPOIS de lançarem do rework). Lembrar de ouvir a voz do personagem, e de jogar com ele, muitas vezes são motivações suficientes para voltar a jogar. Mas essa parte é algo pessoal, não tem a ver com a Riot e o jogo diretamente.

O grupo de League of Legends nos conquista, não só com conteúdos de qualidade, mas também com carisma e atenção. É por isso que eu jogo esse jogo e vou continuar voltando a jogar sempre, enquanto isso tudo que eu citei continuar sendo uma realidade.

3 RESPOSTAS

o suporte e bom mesmo uma vez eu tava estressado pra caralho so mandei todo mundo se fude no ticket e eles foram legais comigo kkkkkkkk

Cara concordo q mesmo com os defeitos a Riot ainda e melhor q as outras. Agr sobre a Lore os Eventos em si q estão saindo atualmente, eu tenho muito a reclamar.

Ééééééééé ......não