cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
NuuzurLazul
Tropa
Tropa

Por que existe toxicidade nos jogos e por que é algo inerente ao ser humano/competitividade.

Para começar esse post vai ser longo e totalmente baseado na minha opinião e quem não tiver afim de ler é sua escolha. Por favor comentar sobre esse assunto de forma amistosas e sem tirar a honra do seu "amiguxo". Esclarecido isso vamos para post em si. 

EEViSfd Para começar um pouco sobre quem eu sou: Eu nunca foi um jogador de jogar League of Legends e o primeiro moba que que gostei de fato foi o HOTS da Blizzard... Bom, boa parte disso é culpa de ter me apaixonando pelo overwatch que foi o primeiro jogo competitivo online que joguei para valer na minha vida (Eu tinha um objetivo, ser o melhor jogador de Hana Song codinome "D.Va" do mesmo") Eu sou do time de pessoa que quando quer algo ser dedica muito para conseguir e até cheguei no diamante e depois participei da open division, mas meu time não classificou-se para contends. Isso quando tinha meus 15 à 16 anos... Era tolo na época, já que minha ambição de ser o melhor jogador de D.Va me levou para o caminho tóxico dos jogos!. Por explicar tudo isso? Por que tudo que passei foi e aprendi foi nessa época. Então vamos lá!. Eu queria ser o Shot Caller, pois é tarefa mais difícil e complicada do time, mas quando bem executada leva qualquer time a levantar um troféu! 

8pFpIpR

 
          1:         Por que existe toxicidade nos jogos  Para responder essa pergunta é temos que ser perguntar até onde vale lutar para uma vitória? Vitória significa ganhar algo e esse algo vária de cada pessoa. Eu no caso só sinto que ganhei quando vejo meu time ser esforçando e adoraria ver o time inimigo dando o melhor deles para chegar no meus objetivo a vitória, mas esse fato levar um problema e aqueles não querem chegar na vitória ou aqueles que não têm "nível" conquista essa vitória? Aqui que está o problema da competitividade! Queremos ganhar e ninguém gosta de perde é claro... Dando mais exemplos da minha jornada no overwatch, eu tinha um objetivo e nada iria abalar ele! Então não me importava com meu time, mas ao mesmo tempo reclamava de mais deles por não querem almejar a vitória como eu... Afinal queria chegar no high elo do overwatch para comprar para mim que era melhor jogador de D.Va do servidor, mas foi quando cheguei que vi que todos eram ruins lá... Não tinha uma grande evolução e não tinha alguém que chegava perto da minha habilidade que poderia chamar de rival... Eu tinha um ego muito grande na época, mas qualquer x1 que os ditos high elo faziam, eu ganhava com facilidade.Por que então de fato não me importava com vitória em si, mas o rank que ela me levaria. Era jogador de rankeamento "Quanto maior seu rank. Melhor o jogador!" Era que eu pensava e como era tolo. Então para que tudo esse contexto? Para dizer que era jogador tóxico por meu objetivo que virou obsessão e esse é fato que eu acredito que muitos são tóxico. Sua obsessão pela vitória faz não olhar para razão e tirar seu foco que mais importa a diversão. Por isso que existe toxicidade nos jogos!.9ahVC1r

 

 

         2:Diferença de um jogador competitivo e jogador casual. 

      Esse e outro fator que agravar mais a toxicidade. O jogador competitivo não é jogador profissional, mas é o profissional é uma variante do jogador competitivo e jogador competitivo é uma variante do jogador casual, pois no primórdios dos jogos não existia modo ranked ou qualquer modo de progressão competência... Ou seja, todos era casuais e não tinha bordinha(Ferro, bronzer, prata, ouro e etc...) para qualificar o jogador.  Definido isso vamos falar de cada um desses.                                                                                                                      jogador casual é jogador que gosta de jogar o jogo sem precisar ler patch notes, conhecer match ups ou mudanças de itens... Só que jogar seu jogo e a empresa tem como obrigação criar modos atrativos para esse público, pois esse público merece atenção e respeito de todos. *Nota: Eu criei um post com esse mesmo tema e no fórum do overwatch... Tinha jogador que dizia que lugar de jogador casual é quicky play (Modo normal), mas isso é errado. Todos tem direito de jogar qualquer modo que achar que deve e sou a favor de ter mais modos para pessoas casuais no lol! Ficar só jogando Aram com mais de 10 anos de jogo é ridículos... Jogadores casuais tem que exigir da empresa mais modos. Fica meu apelo para vocês...              Jogador competitivo: Esse é jogador casual que queria mais e tinha um objetivo ser melhor que os outros... Sim, esse é fato que motiva muitos jogadores querer subir de elo e eu já foi assim que às empresas criaram o modo ranked para suprir esse jogadores, mas não adianta subir de elo ser vai ser mesma "merda" desculpem pela palavra, mas é verdade que o elo mais baixo só com bônus de ter babacas que acham que sabem jogar o jogo por ter pego um duo ou abusou de um champion desbalanceado ou até mesmo subiu com a smurf e deixou a primeira conta de lado... E ser é realmente um jogador que entende do jogo e impossível um jogador na primeiro conta dele ser cair platina ou diamante! LoL é jogo complexo e demanda dedicação para entender e jogar alto nível de gameplay... Então não deixei ninguém ter rebaixa ou mentir dizendo que subiu rápido. Ele provavelmente já penou muito para chegar onde chegou e quer da uma de "bonzão" ou fez elo job/elo boots... Garanto que esse tipo tem borda, mas consciência... Pust não sabe nem quanto 4+4 ou como ser planeza um drag antes dos 40s para ele nascer! "Ri-dí-cu-lo"-Zoe... *Nota: Sou um mono Neeko prata 1, mas eu pesquisei e adoro assisti/aprender com a liga coreana (LCK). "Para ser bom em algo, precisar aprender com alguém que já é muito bom, mas não só observe, execute!- Nuuzur Lazul. Legal que vai ter jogador que vai digitar, tá mais sou diamante e tu é prata... Existi um abismo de diferença. Eu concordo... Todo jogador que ver que chegou no seu máximo e porque já desistiu de ver sua própria melhorar e cai na desgraça da comodidade de não evoluir. Realmente existe um abismo entre mim e esse tipo de pessoas!. Ops: Sai um pouco do tema central. Quer é ser um jogador competitivo? Ganhar muitas partidas? Ter um KDA impecável? Ser melhor mono qualquer champion? *No meu caso é que me motiva a jogar atualmente qualquer jogo online, mas não é isso. É sempre evoluir e sempre encontra formas de melhorar nunca dizer para si mesmo "Estou no meu nível máximo sou o boladão e não vejo mais melhorar para mim" Nesse ponto que o jogador competitivo ser tonar o jogador tóxico ou melhor o mono chat. Sim, o jogador que quer mandar no time dele e na visão dele todos tem que respeitar sua call porque ele é o bixo da bola azul do joguei. Draft é com ele, match ups é com ele, controle de wave é com ele, cc, efeito bola de neve é com ele, meta é com ele, itemização é com ele, controle de tempo de recarga de habilidade é com ele... Resumindo o cara é mais profissional que jogador competitivo que não precisa saber de tudo isso... Enfim existe muitas variantes do jogador competitivo que não tem por que digitar aqui. Tá, mas é troll e feeder? Eles não são jogadores competentes para jogar competitivo sim e nem casual. Esse tipo é jogador da vida ruim que quer ser o Lúcifer do jogo. "Vou planta o ódio e discórdia porque assim que me sinto bem! Há há há... Sou mau e aterrorizo a mente dos jogadores de jogos coloridos! Deus da malevolência e do pecado>..<" Sempre penso nesses caras assim é hilário. Bom, esses só têm dois destinos o mute e a mediocridade. Sim esse é mais tiltado e chateado com o jogo... Não que eu seja tanto, mas sou um pouco. É impossível ser competitivo e a mesmo tempo ter harmonia e paciência.                                    N3xJMLt

 

3                                Conclusão

   Não importa o jogo, mas se tive um modo competitivo ira justo com ele ter toxicidade, porém, não é porque é algo impregnado ao nosso ser que devemos fingir que não existe ou deixar para lá... No ponto que desistimo que achamos certo e ponto que entramos no erro e dele só existi uma forma de sair e fazendo o certo. Cliché, mas é realidade. Respeite os jogadores newbies=novatos e ensinem quando os mesmo permitirem e aos veteranos, vocês não sabem de nada a lá Jon Snow, mas sem a cena mais +18... 

7 RESPOSTAS
NuuzurLazul
Tropa
Tropa

Desculpem por ter palavras erradas... Eu estava assistindo a aula online e meio que não estava afim de revisar, mas revisem seus textos é muito importante.
Brooky
Arauto
Arauto

Eu acho que tem mais a ver com o medo de perder, do que ser competitivo, porque ser competitivo até o jogador causal é, ele não joga para perder, ele também quer ganhar, e se você já jogou normal game, sabe que lá o povo é tóxico, as vezes até pior que na soloqueue.
O Medo de falhar, ser o fracassado do grupinho é um temor, fobia, para muitos. E pessoas são como animais, quando o medo aperta, a rejeição social, o comportamento animalesco aparece. Um prata tem muito medo de terminar a season bronze, quando começa a perder, a infantilidade emocional o faz ser tóxico.
Um trabalho estóico, ou seja, rigidez emocional, ajudaria muito essas pessoas amadurecerem, porque o que é uma borda num jogo? Se seus amigos só te aceitam ou te tratam bem porque vc é tal rank, provavelmente eles não são seus amigos de verdade. Melhor sozinho bronze, do que diamante com amigos falsos.
Obrigado por esse post, me fez refletir sobre o tema, Sempre que tiver insights, venha compartilhe.
kkk só que não faça na sua aula né kkkk
Só o Conhecimento Liberta.
A força só se revela, quando se é destroçado — Urgot
T O R D I N O
Aronguejo
Aronguejo

Lindo, Maravilhoso sua opinião, belissima, mesmo sendo dificil, eu diria impossivel mudar a comunidade inteira, talvez metade dela sim, pois muitos novos jogadores tem contato primeiro com a toxidade, e os que nao desistem com isso, absorvem a toxidade afim de sobreviver nesse ambiente, mas tomara que seu post incentive, nem que seja so 5 pessoas, a nao ser toxicas, muito bom amigo(a) mas kkkkkkk não deixe sua aula para fazer isso poxa kkkkk arruma um tempo ai, abraço.

Pois bem, vou aproveitar pra deixar minha opinião também a respeito disso.

A toxicidade vai muito além de apenas competitividade, vai desde um ser orgulhoso que adora pisar em todo mundo pra se sentir superior até aquele que já está exausto de ver gente tóxica e acaba por se tornar tóxico também.
Ter a vontade de ser o melhor dos melhores pode ser boa ou ruim dependendo do quanto você é mentalmente preparado para tal feito, e não é brigando com metade dos jogadores que fará com que você chegue ao topo. O que vai garantir que alguém chegue ao topo é o quanto ela consegue se destacar, e ao meu ver, a melhor forma de ganhar destaque é você provando que merece tal mérito, não para seus amigos, mas para a comunidade do jogo em que você quer se tornar um grande jogador.
E honestamente, você não perdeu nada não conseguindo se destacar no cenário competitivo do Overwatch, que é um jogo morto.

E sobre o que o @Brooky disse, eu concordo com o que faz muitas vezes com que os jogadores sejam tóxicos é o medo de perder. Muitos levam isso muito a sério, tão a sério que eu já vi casos de jogadores tentarem suicídio por não conseguir algo em um jogo competitivo, e se vocês pesquisarem vão encontrar casos assim.
É inevitável que você vai perder, passar raiva, ser humilhado e subestimado, mas isso não se trata do quanto você ganha, se trata do quanto você vai aguentar apanhar e seguir em frente, como diria o lendário Rocky Balboa. Nenhum dos jogadores que estão no topo estão lá por simplesmente "estar", estão lá porque deram a vida para estar, fizeram de tudo pra se destacar e conseguiram.

Sobre ser competitivo sem ter harmonia e paciência, é aí que entra a parte do "mentalmente preparado".

No geral, falando bem resumidamente, a toxicidade é algo que vai atrapalhar não apenas a reputação do jogador, mas a jogabilidade dele e do time em que ele está jogando. E é por isso eu faço e recomendo todo mundo que eu conheço a fazer que sempre, que é sempre bloquear alguém que está de graça ou falando asneiras durante uma partida, e dependendo da pessoa, é insta-block sem dar chance alguma mesmo que não fale uma palavra sequer. É simples, fácil, rápido, funcional e evita dores de cabeça durante a jogatina.
Draicker
Lenda
Lenda

Eu acho q todo jogo q depende de time pra se divertir vai ter esse fator frustração, o problema é q isso faz com q algumas pessoas mais mimadas q não sabem lidar com frustrações acabem sendo tóxicos, cabe então a Riot melhorar o sistema de punições, e sim o ser humano é competitivo mesmo, quer ganhar sempre e quando a vitória não vem, ele quer descontar a frustração dele em alguma coisa, dai o rage, eu acredito q tem q partir da própria pessoa se controlar, mas se ela n conseguir, bem então o ban permanente tem q ser aplicado, tem casos q só podem ser resolvidos na base da força, pra pessoa ver q ta errado.

NuuzurLazul
Tropa
Tropa

Eu li todos os post e não discordo de ninguém. Só quero deixar claro uma coisa: Eu não queria ser um profissional de overwatch, mas ser o melhor jogador de D.Va do jogo e modo competitivo não estava mais me satisfazendo (Não tinha ninguém que jogasse com a D.Va que era tão bom para fazer eu ter que melhorar, então tentei entrar no campeonatos e foi aceito em um time, mas não tinha noção que era um time e queria fazer tudo sozinho...) Resumindo: Eu aprendi o significado da palavra time e quem ganha não é somente uma pessoa... Mas os integrantes do time e não importa quanto tu sejas bom ou quanto fez na partida... Que ganhou foi às pessoas que chegaram até aquele momento com tu. Só final foi aprender sobre isso e me tornei um jogador melhor.

Triste ler sobre suicídio nos casos, relatos de pessoas que partiram antes da hora, porque não teve suporte emocional sempre me pega. A gente precisa tentar mudar esse midset, são muitas vidas valiosas que se perdem sabe =/
Só o Conhecimento Liberta.
A força só se revela, quando se é destroçado — Urgot