cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Uma História um tanto comovente

Olá, hoje irei contar uma história para vocês amantes do jogo League of Legends, uma história comovente, mas não muito emocionante, com muito companheirismo e muitas lágrimas diga-se de passagem.

 Bom, como muitos de vocês já sabem, tudo começa aos 00:00 do cronômetro, foram dez pessoas levadas aos campos da justiça, onde, naquela noite, especificamente, a justiça parecia tirar seu cochilo, afinal todo mundo precisa descansar, não ? dos dez cinco foram para um lado e o restante para o outro , mais especificamente no lado vermelho, que é no lado em que iremos nos aproximar hoje, pelo menos, nessa história.

 Um pirata, um cavaleiro das sombras, uma sereia, uma yordle atiradora, e um palhaço, tudo parecia extremamente normal naquela noite, afinal era apenas mais uma disputa para decidirmos se iríamos melhorar nossa colocação  ou não,

por mais incrível que pareça a conversa começa com o cavaleiro.

- Ei Capitão, podemos trocar ? Me dou melhor contra aquela menina da lua;

- Tudo bem, faremos isso então; Disse o capitão tranquilo com a confiança do cavaleiro.

 A disputa inicia-se de fato, quando as tropas foram liberadas, houve uma luta severa entre tiros e feitíços rúnicos, e também havia uma constante interferência de um cego, que não parecia ter muito impacto em suas ´´interferências``,

a rota estava incrivelmente equilibrada, uma disputa que muitos diriam que seria muito chata ou muito emocionante pelo incrível equilíbrio entre os dois adversários, como se ambos tivessem exatamente os mesmos preparos e habilidades.

 Enquanto isso na parte mais elevada do monte de terra flutuante, o confronto não parecia muito emocionante, pelo menos, não para o lado azul, afinal, nosso cavaleiro não estava se saindo muito bem, e estava precisando da ajuda do palhaço.

 Na parte mais abaixo o confronto parecia ser um contra-ponto para a disputa, afinal se em cima as coisas estão tudo em baixo, por que em baixo nada estaria em cima ? Mas com o tempo o centro vermelho começou a ganhar uma sutil vantagem, e , consequentemente isso abriria uma brecha para uma possivel vitória, o mais interessante é o que vem a seguir.

 Em seguida o cavaleiro faz o seguinte pedido:

- Erh capitão, suba, vamos trocar novamente, não estou me dando bem por aqui; Disse o cavaleiro desmotivado a continuar.

- Tudo bem pode ir, sem problemas; Disse o capitão animado com sua vantagem, porém, alguns instantes se passam e as coisas começam a piorar.

- Ah não, saí de lá pra cá só para sofrer e apanhar mais; Nessa palavras era possível perceber um certo desespero vindo por parte do cavaleiro.

- Calma lá; Disse o capitão tentando o motivar.

 Durante esse pequeno espaço de tempo houve um grande confronto envolvendo ambas as equipes,  o que naturalmente envolvia sinais de muito desrespeito em relação aos erros, porém nada estava perdido, até o momento em que o cavaleirismo passou a despencar.

- Que negócio é esse Morde ?- Disse a sereia Nami desapontada com ele.

 Em seguida, ao que parece acontece um pequeno confronto, onde o tal Revenã usa todas as suas forças para acabar com a curandeira adversária, mas é supreendido ao saber que ele por sí só não foi o responsável por sua morte.

- Caramba, desisto; Disse o cavaleiro após perder seu abate; - Vou ficar próximo á fonte; e já não se via mais aquela mesma vontade de lutar, justamente em alguém físicamente forte.

- Que isso cara, nem tudo está perdido ! Qual  é volte á luta agente supera essa; Disse o capitão tentando motiva-lo a lutar.

Em seguida algumas lutas pareciam acontecer, estouravam confrontos emocionantes, onde o cavaleiro finalmente conseguia seus preciosos abates.

-  Viu você consegue cara - Disse o capitão;

- Boa Morde - O Palhaço parece querer ajuda-lo;

- É isso aí !! - A sereia também entra na conversa, a fim de querer uma vitória;

- Desisto, deêm seus pulos aí que o resto é com vocês, se virem aí - Ao que parece tínhamos um problema, que só poderia ser resolvido se todos quisessem supera-lo, mas nem todo mundo tem essa mesma determinação não é mesmo ? Todos parecem tentar motivá-lo, trazer ele de volta á luta seria uma boa ideia, a final, uma equipe de quatro tem menos chances que uma de cinco, e naquele momento em específico, as chances eram menores ainda.

Foi comovente, a sensibilidade dos três tentando ajudar aquele cavaleiro que parecia ter perdido o espírito de luta, mas, a derrota se torna irônica a partir do momento em que se insiste em desistir, oque é pior que uma derrota ? A desistência, aqueles que não lutam com todas as forças não podem prosseguir e também não poderam reclamar de paredes que não podem quebrar em seus caminhos, pois para saber se é possível superá-las ou não é necessário dar tudo o que você tiver para assim saber se pode ou não, e, caso não possa, o que fazer para melhorar, isso se chama capacidade, e é a capacidade de se determinar e lutar até o fim para completar um objetivo: A vitória.

- Olha eu tentei de tudo, até o fim - Diz o capitão, sem forças para continuar a conversá, ele deduziu que ações falam mais alto que palavras, porém a falta das ações pode ser a mais barulhenta de todas.

- Você escolheu isso Mordekaiser, eu tentei de tudo pra te erguer e te chamar para a luta, foi você que não quis - Disse o capitão dando uma advertência, e em seguida ouvem-se xingamentos vindos da Sereia e alguns do palhço, mas ao que tudo indica nada parecia surtir efeito, ele insistia em desistir.

 A determinação é algo incrível, quando ela por sí só não for auto-destrutiva, afinal alguns tem a Determinação de não se determinar, e isso atrapalha a todos os envolvidos que buscam quebrar certas paredes.

 No fim das contas nada deu certo, tudo acabou, não pela falta da força, mas sim pela falta da ação, depois de tudo o capitão ainda disse a ultima frase de conclusão: 

- Você escolheu isso, tentei de tudo, lembre-se disso quando for desistir na próxima vez, pois isso também o lembrará que pessoas mansas em conjunto são raras em situações difíceis, não vou lhe julgar pelas suas escolhas, mas acho errado perder aquele que não merce a derrota, infelizmente é uma coisa que acontece e que temos passar, afinal algumas pessoas nos fazem  passar por isso, espero que agente nunca mais se encontre - E então Gangplank termina a sua frase, percebendo o silêncio da Yordle e então todos se separam após a derrota , e no fim das contas nem tudo acaba bem, mas o importante é ter esperança e continuar lutando.

 

Até o néxus cair.

0 RESPOSTAS