cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
Squallzera
Academia de Piltover
Academia de Piltover

"MULHER NÃO SABE JOGAR"

Fala, galera!

Esse vídeo traz uma reflexão sobre um problema que infelizmente ainda é comum nos dias de hoje.

https://www.youtube.com/watch?v=sySf2yFeDes
Espero que de alguma forma ele consiga mudar o pensamento de quem tem esse tipo de pensamento retrógrado.
Inclusive, alguns dos relatos (prints) do vídeo foram retirados aqui do fórum.

O que vocês pensam em relação a isso?
96 RESPOSTAS

A Rito já criou uma ferramenta pra dar fim ao rage, o %%%%% /mute. Se as pessoas aqui parassem de chorar por causa de rage e começasse a usar o /mute o server estaria 100% melhor ao invés de ficar chorando por politicamente correto. Se o cara acha que mulher é isso ou aquilo, dá /mute e deixa a criança xingar sozinha, rage nem deveria dar ban, /mute tá ai pra ignorar as crianças e muita gente aqui tem que aprender isso.

Entendo e tenho total respeito pela sua opinião, mas não acha que dessa forma a gnt jogaria o problema pra debaixo do tapete? O problema deve ser exterminado ou, pelo menos, diminuído substancialmente. Exemplo bem típico e similar: Bullying. Quem está errado? O cara que praticou bullying ou cara que se incomoda com tal coisa? O ofensor deve ser punido ou basta o ofendido ignorá—lo?
Indo um pouco mais além, se eu for assaltado na rua X (conhecida por ser extremamente perigosa) a culpa é minha? O assaltante deve ser punido ou basta o assaltado evitar aquela rua?

Veja que o ofendido poderia ignorar o ofensor (no caso do bullying) e poderia ser eficiente, mas com isso o problema só iria para baixo do tapete. Assim como evitar a Rua X seria sábio por parte do assaltado, mas só jogaria o problema pra debaixo do tapete.

O rage deve ser combatido e exterminado ou, no mínimo, diminuído em grande parcela. Se todos os players usassem a ferramenta “Mute” ao receber rage, seria sim efetivo, mas o problema, outra vez, foi pro tapete.

O lix0 deve ser jogado no lix0, não sob o tapete. Assim que vejo
Trexors
Aronguejo
Aronguejo

acho que o maior problema e que mulher nao leva a serio jogos como os homens levam,grande maioria das mulheres jogam mais por diversao.

“A gente quer debater sobre esse assunto que nos deixa cansada, simplesmente queriamos ser tratados iguais, respeito”

Para de falar no plural, como se todo mundo concordasse com voce, quem te deu “direito de ser representante”?

“Aliais, é muito melhor você ser xingando de noob %% do que o cara kitar da seleção apenas pela mid ser mulher.”

Não, não, e se o cara kitou na champ select, qual o problema? Ele que vai perder Pdl ou pegar low priority, e se o motivo que ele kitou foi ter experiencias ruins anteriores com mulheres na midlane do time dele, dai ele acha que tem mais chances de vencer kitando, qual o problema tambem? (Teve uma epoca que eu kitava pra caramba pois meu time não pickava nenhum tanker) Quer por uma arma na cabeça dele e impedir ele de fazer isso?

“É tão difícil respeitar?”

Tu vive no mundo da fantasia? Isso daqui é LoL, o jogo onde ninguem respeita ninguem, o mais bizarro nisso é que seu post é direcionado pra galera toxica que ta literalmente cagando e andando. A unica coisa que voce ta fazendo aqui é divulgando agenda autoritaria.

concordo plenamente


acho que o maior problema e que mulher nao leva a serio jogos como os homens levam,grande maioria das mulheres jogam mais por diversao.

Eu estudo o jogo: Leio as notas de atualização e as mudanças ainda no PBE. Assisto vídeos de coach, dicas e gameplay. Pesquiso estatísticas de jogo para ver o meta, builds, counters, curva de aprendizado, …

Tento melhorar no jogo. Tenho compromissos fora do jogo que me impedem de me dedicar mais (como a maioria dos jogadores).
Mas ainda quero pegar diamante nessa season. Como não levo a sério?

A não ser que você considere “levar o jogo a sério” como morrer 10 vezes por partida e ter uma winrare na rankeada abaixo de 50%. Isso eu não faço.

É muito normal que alguém JOGUE um JOGO para ser divertir. Como isso baseia sua crítica?


Mulher joga na lane que quiser, inclusive melhor que muito homem por aí

Esse tipo de comentário “melhor que muito homem , melhor que muita mulher” esse comentário não faz sentido algum , é tão parecido quanto o assunto do tópico,tentar exaltar uma coisa e automaticamente denegrir outra, não é assim que funciona, é tudo relativo, sexo não tem tanto haver pra falar a verdade.


n exclui n parcero, um moderador que excluiu.
e n concordo msm com isso aí, se um homem feeda ele é
%
%, fdp, troll e tudo mais.
se é mulher feeda ela é também um monte de coisas, os 2 lados são equivalentes e levam rage igualmente, temos que combater o rage no geral não apoiar o sexismo.

Pois é ,e tem gente que fala que mulher não sabe jogar e tem outros por ai que falam: “Muita mulher por ai joga muito mais que muito homem” qual a lógica de exaltar 1 ponto e obrigatoriamente denegrir outro? a origem desse comentário é tão vil quanto falar que mulher não sabe jogar…

Comparar com assalto já é errado, é totalmente diferente a analogia e aplicações. Primeiro, não existe igualdade, esqueça essa forçação esquerdista. Segundo, não é empurrar pra debaixo do tapete, ignorar e agir friamente tem muito mais resultados do que ficar punindo ou ficar de mimim porque x ou y te xingou, quem dá rage espera que seja correspondido e assim por diante. Jamais vai deixar de ter rager no server, se for banido, é só criar outra conta e em 1 semana já está lvl 30 de novo e pronto, nada demais.

Saber sabe, mas homens jogam melhor.
Olha por exemplo as dicas que a amy do 10safiantes dá, todas erradas.
Sem contar que tem mais homens proplayers que mulheres.

Ele tava usando UMA ESTATÍSTICA (Tudo bem que ele tirou ela do rabo, mas é meio indutivo).
Se você faz ou deixa de fazer algo, não muda a estatística, ou você interpreta a realidade em “Ou todo mundo faz, ou ninguem faz”?


Continua sendo machismo mesmo sendo "piada". Elas magoam e não é diferente de como é tratamento in game, vocês deveriam se colocar no nosso lugar e ao menos tentar entender como nos sentimos

O intuito da piada na realidade não é exatamente ofender, você já se perguntou porquê existem piadas racistas e piadas de deficiente que são aceitas por exemplo? porquê elas não são feitas para serem levadas a sério, os únicos intuitos das piadas são realizar o humor ou um humor inteligente, ou seja, com uma critica social instaurada naquela piada, não estou dizendo que os indivíduos do tópico que você compartilhou estão com essa proposta, mas é uma coisa a ser analisada por você, vou colocar algumas que eu vi e achei interessantes:

1- MicaO ao vivo (BR):
O preconceito começa quando é SÒ mulher

2- ShadowWhite2 (BR):
O Pablo Vittar poderia entar?

3- É APENAS BORIS (BR):
E se for um homem por fora e mulher por dentro?

Mesmo se não for intencional isso gerar uma crítica a piada acaba gerando, como você percebeu tem muito haver com a tal da ideologia de gênero

1- Se fosse só homem por exemplo isso iria gerar um problema enorme como um cara comentou no tópico.
2- Ideologia de gênero.
3- Ideologia de gênero.

Se fosse algo grave a própria moderação já teria apagado…

De fato isso vai muito do exemplo em casa, mas pode ser também do tipo de pessoa que o próprio moleque é, eu perdi minha mãe quando criança e minha família por parte de pai é “de certa forma” machista.

Mas minha família sempre me foi um bom exemplo e apesar de eu ter crescido e virado adolescente sem alguém do sexo feminino direto em casa isso não mudou que eu acho bizarro em 2017 a gente ter que ficar batendo nesse tipo de tecla ainda.

Teu exemplo 3 é o que melhor explica isso também. Moleque bronze que se acha o Diamante encontra uma mulher no jogo, já joga toda a culpa nela devido a seu exemplo machista em casa.

Eu acho que a geração de 20 agora está melhor que essa de 30-40 que tem filhos de 12+, a gente tem um excesso de informação e exemplo (de certa forma) melhores. Então eu acho que a gente vai acabar parando de ter esse tipo de problemas massssss, isso vai muito de achismo mesmo. Tem pessoas que ainda são tão fora da caixinha de ser humano que pode muito bem acabar dando errado também.

O jeito é a gente fazer o que conseguir para mudar o rage de forma geral e esse machismo imbecil.

(Generalizei um pouco sim, mas entendam meu ponto)

cara eu tirei dos ultimos estudos que apontam que grande maioria dos gamers e mulher porem elas e sua grande maioria jogadoras casuais.

ta levando minha critica como pessoal isso ja e um erro,eu falei num geral onde grande maiorias da mulheres jogam por diversao nao quer dizer que nao tenha nenhuma que queira viver ou trabalhar com isso,porem o numeros sao bem pequenos se for comparado ao publico masculino.
segundo espero mesmo que vc nao esteja usando minha taxa de vitorias ou elo pra dizer se tenho ou nao algum poder de opinar sobre assunto,pq se estiver vou reportar vc por ser toxica e nao saber argumentar alem de falar sobre elo.(pq se vc quiser eu pago uma conta elo jobada do diamante 1 por 10 reais e fico feito retardado falando sobre meu elo )

É muito normal que alguém JOGUE um JOGO para ser divertir. Como isso baseia sua crítica?
normal mesmo procurar para se divertir porem vc nao ve muitas mulheres realmente procurando se perfeiçoa ou querendo viver como uma jogadora profissional.


ta levando minha critica como pessoal isso ja e um erro,eu falei num geral onde grande maiorias da mulheres jogam por diversao nao quer dizer que nao tenha nenhuma que queira viver ou trabalhar com isso,porem o numeros sao bem pequenos se for comparado ao publico masculino.
segundo espero mesmo que vc nao esteja usando minha taxa de vitorias ou elo pra dizer se tenho ou nao algum poder de opinar sobre assunto,pq se estiver vou reportar vc por ser toxica e nao saber argumentar alem de falar sobre elo.(pq se vc quiser eu pago uma conta elo jobada do diamante 1 por 10 reais e fico feito retardado falando sobre meu elo )

É muito normal que alguém JOGUE um JOGO para ser divertir. Como isso baseia sua crítica?
normal mesmo procurar para se divertir porem vc nao ve muitas mulheres realmente procurando se perfeiçoa ou querendo viver como uma jogadora profissional.

Única coisa que falei de elo é que quero pegar diamante (é errado querer melhorar no jogo?).
Não estou dizendo que não podes opinar do assunto. Estou perguntando o que considera “levar a sério”, pois você disse que “mulher não leva a sério como os homens levam”. Logo, você diz que eu não levo a sério. Então eu apresentei como eu tento evoluir no jogo. Se isto não é levar a sério, não sei o que é.

Se meu argumento não foi claro, deixe-me explicar de modo mais exato:
Uma asserção não é um teorema se existe ao menos UM caso para o qual a asserção não seja verdadeira. Então eu apresentei um contra-exemplo. Isto significa que a asserção “mulheres não levam a sério” é falsa.

Agora, se você tivesse dito “existem mulheres que não levam a sério”, poderia estar correto. Mas é sabido que também existem homens que não levam a sério. Então não vejo onde estaria o problema em relação a mulheres jogadoras.

Ninguém precisa ser jogador profissional para merecer respeito ou “jogar a sério”. A maior parte dos jogadores de LOL não estão no cenário profissional.
Tyrfinght
Aronguejo
Aronguejo

Padrão: construção social de que jogos são e foram feitos para o público masculino, e embora isso venha mudando, não é nessa geração que os reflexos serão vistos.

Machismo de sempre, bem comum. Nada de novo.

Só se ligar nos comentários:

“tem mais homem proplayer que mulher”
“mulher só joga sup, às vezes mid”
“homem leva o jogo mais a sério”
“mulher não é/não nasceu pra isso”

e o blah blah de sempre.

Na prática, é/deveria ser indiferente. Nenhum nem outro pior ou melhor por simplesmente ser ou não mulher/homem. Mas né, por enquanto isso não tem muita perspectiva de mudança.

Caiu no conto da “construção social”.
O que uma empresa ganharia alienando 50% da população mundial? Jogos simplesmente começaram a cada vez mais serem focados e marketados para o publico masculino pois este foi quem desde o começo mais consumiu essa midia.

>"tem mais homem proplayer que mulher"

Dizer um FATO ESTATÍSTICO é machismo?

>"mulher só joga sup, às vezes mid"

Va em qualquer grupinho cancro de """memes""" da gretchen e Reality show e me diga que não é a verdade, novamente, é estatístico.

>Na prática, é/deveria ser indiferente. Nenhum nem outro pior ou melhor por simplesmente ser ou não mulher/homem. Mas né, por enquanto isso não tem muita perspectiva de mudança.

Falou, falou, e no final não disse nada.
Ahri Sedex
Tropa
Tropa

E ainda tem gente que acha que é mimimi isso.Mas o time inimigo era o mesmo da partida passada e falaram um monte pra eles e reportaram

Ironwill
Arauto
Arauto

Quem fala que mulher não sabe jogar por ser mulher é quem não sabe jogar e é fedelho fisica ou mentalmente, problematico e virgem.

Existem sim as mulheres que não sabem jogar e que ainda dão rage nos outros querendo pisar em cima e se alguém responder coloca o genero dela (sou mulher, vai responder heim bi%%%a) ou as feministas que já querem chegar mostrando que são mulheres e impor a vontade delas por serem mulher . . . mas não são essas as que sofrem com isso porque pra essas tanto faz como tanto fez, essas tb fazem igual ou pior.

Mulher merece respeito como ser humano (e não senhora feminista ou retardado machista, humano não é sexismo e ser humano não é só o homem) sem melhor ou pior tratamento que um homem mereceria ter (e não é porque você xinga e destrata homens que precisa xingar e destratar mulheres, melhor parar de xingar e destratar os outros).

Não é necessário atacar aos outros irracionalmente indo só no impulso ou no instinto como um animal.
O ser humano é aquele que é racional, que não é irracional como um animal.
Se você é um animal, vá procurar um tratamento e tente virar gente, virar ser humano . . . (nesse ponto olha-se para trás . . . percebe-se que a comunidade do LoL tem uma quantidade enorme de animais . . . vivemos em um zoologico mas quem tem que ficar preso são os humanos para se proteger dos animais, o que é um reflexo da sociedade. No fim das contas não são nem sexistas ou machistas, homofobicos, do sexo feminino ou masculino, são apenas animais sem rumo, burros que dão coice nos outros por causa de qq coisinha e se sentem bem por estarem fazendo algo mesmo que inutil . . reflexo da inutilidade deles).

Mas, fazer algo produtivo para se tornarem úteis requer paciencia, requer vontade e requer cuidados . . . coisa que animais não tem.