cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Ignorância ou Patriotismo?

Ir para a solução
Então rapaziada, é o seguinte, a uns 2 anos atrás, eu vi num tópico da Steam eu acho, um cara falando que acha ridículo a utilização de palavras de outro idioma como modo de se expressar, como por exemplo: "Estão me dando "ghost"", ou então: "Me dêem "leash" no blue" ou até mesmo: "me dêem um "help" aqui".
A pessoa em questão dizia ser ignorância com seu país de natureza.
Oque vocês acham? Que a pessoa em questão é patriota pra caramba ou realmente é ignorância com sua linguagem natal usar palavras de outro idioma?
Eu não tenho opinião formada sobre esse assunto, então gostaria que alguém que influenciasse com argumentos.

"Se perguntarem diga que a pele é falsa."
1 SOLUÇÃO ACEITA

Soluções aceitas
Tem palavras em inglês que simplificam muito, tanto no significado quanto no tamanho da palavra. Stun = atordoamento. Um jogador casual que já abrevia palavras em português (vc, tmb etc) vai preferir usar "stun" do que a palavra em português.

Então é ignorância do cara que reclama disso. E mesmo que não fosse ignorante, ele não estaria sendo patriótico.

Valps

Bem-vindo ao Palácio de Inverno. Pode ser a casa de quem procura conhecimento e repelir a solidão

Ver Resposta em Destaque no post original

14 RESPOSTAS
SD Alef
Tropa
Tropa

Provavelmente ele se sente desconfortavel com palavras que ele não conhece '-'
ou simplesmente é ignorante Smiley Happy

Osh isso não tem nada a ver, existem varias palavras do ingles que nós usamos diariamente, tipo pen-drive, hot dog, video game, marketing, email, shopping, fast food... Eu podia ficar o dia inteiro escrevendo uma lista de palavras em inglês que fazem parte do nosso cotidiano... Enfim não vou me alongar muito, mas acho isso um negócio muito nada a ver.
Devo concordar com os dois, palavras inglesas/de outro idioma já viraram rotineiras em nosso dia a dia, acredito que realmente era patriotismo.

"Se perguntarem diga que a pele é falsa."
Gilgámesh
Aronguejo
Aronguejo
Falando sobre o motivo de eu usar, é por que eu acho mais bonito, mais legal, e é um termo fixo já pó. Imagina ai '' tão me dando fantasma '' ... quem ia entender? mas todo mundo sabe o que é ghost tanto os br quanto de outros países, é um termo já estabelecido.

'' Ryze pega ''push'' na ''side'' e e da tp na ''back'' caso tenha  ''engage''  e '' Tf'''
'' Coé bot lane ''go'' ''swapar'' , fiz ''scuttle '' '' go '' fazer ''drake'' .
Meu ult tá  no cd ''Care'' , pois  o mid ''miou'' pra dar'' push'' junto com a ''double lane''

Eu do'' peel '' no ad, ele derrete a'' front line ''
Pessoalmente eu acho bem tosco , entendo perfeitamente o significado de tudo mas é um tanto quanto '' extremamente nerd'' sla... eu já muto quem costuma dar call dentro de jogo , imagina então com o sujeito falando tudo assim ? mds é mute na hr kkkkkkk ,  mas nem dá pra culpar a comunidade, as dublagens nos jogos começaram agora... quem é gamer Raiz  passou a vida  jogando em inglês e assim ficou .

nick>payphone
Baby Gangsta
Dragão
Dragão
Acho que é um pouco dos dois
ficar traduzindo termos é coisa de quatrocabeça
SShadowW
Dragão
Dragão
Eu acho no mínimo besteira
O jogo veio de fora, com dialetos de fora, com pessoas de fora falando, só importaram pra cá, simples assim.

Não há nada de patriota em League Of Legends.
Tem palavras em inglês que simplificam muito, tanto no significado quanto no tamanho da palavra. Stun = atordoamento. Um jogador casual que já abrevia palavras em português (vc, tmb etc) vai preferir usar "stun" do que a palavra em português.

Então é ignorância do cara que reclama disso. E mesmo que não fosse ignorante, ele não estaria sendo patriótico.

Valps

Bem-vindo ao Palácio de Inverno. Pode ser a casa de quem procura conhecimento e repelir a solidão
1LICH1
Barão
Barão
Existe uma coisa chamada 'apropriamento' ou 'apropriatismo' que é quando uma cultura se apropria de outra em parte ou totalmente, o português brasileiro se apropriou de termos e conceitos culturais de outras culturas a muito tempo atrás tal como termos/palavras, então acaba fazendo parte do 'natural' ao entendimento. É importante conhecer a própria língua e cultura e suas raízes, diria que é importante ser patriota mas não tem por que rejeitar ate termos apropriados de fora.

"Alguma vez você já escutou o chamado?"
Lifsitch
Dragão
Dragão
Eu acho nobre o ponto de vista dele, também valorizo muito meu bairro, porém acho que exagerou um pouco. Todos os idiomas usam estrangeirismos no dia a dia, nós usamos muito inglês e francês por exemplo.
Drill Barnacle
Moderação
Moderação
Eu concordo com o lance de usarmos mais os termos localizados até pra diminuir a barreira entre os jogadores novos e veteranos, mas acho meio que bobagem pegar tanto nisso. Aqui nos tópicos do fórum a gente sempre tem que usar os termos localizados mas no fim sempre tem uma ou outra coisa que não tem uma tradução ou que no fim acaba dificultando até mais o entendimento dos jogadores, porque no final a gente vive em um mundo em que uma comunidade de um jogo supera muito fácil as barreiras internacionais, e acaba que sempre ganha prioridade no gosto da galera aquilo que já era o habitual deles desde o começo, que geralmente são termos em inglês e as vezes até vindo de outros jogos ou conceitos.

Enfim, não acho que é muito anti-patriotismo isso, acho que é mais comodidade, padronização e simplificação feita pela galera que começou jogando primeiro.
Senko0
Arauto
Arauto
O que esse camarada ai não percebeu é que ele esta vendo o resultado da guerra fria, quando um país é o centro do mundo (EUA, que hoje já não é tanto quanto ja foi um dia) ele acaba dominando outros países com a sua cultura, vou citar vários exemplos de cultura estrangeira no nosso país que todo brasileiro usa ou adora, e são eles:

1. Empresas americanas no Brasil como: McDonald, Apple, Microsoft, Johnson & Johnson etc.
2. Filmes de Hollywood.
3. Alguns pensamentos sociais herdados como : O filho tem que sair de casa cedo com 18 anos (cultura americana devido ao filho sair de casa pra ir morar na faculdade), tem pavor de comunismo, flertam com um povo armado.
4. Estrangeirismo nas palavras que não temos sequer uma tradução para nossa língua como : OK, e-mail(email), Top Model, Shopping, Milkshake, Hamburguer, Diet, Light, Fashion, Designer, Notebook, Big Brother , Pop star etc.

Ou seja se os russos tivessem vencido a corrida espacial, talvez hoje teríamos muito da cultura russa sendo endeusada por aqui.