cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 
shieldguy
Aronguejo
Aronguejo

O TfT está horrível atualmente , mas tem como consertar

Bem acho que todo mundo sabe que de um tempo pra cá TfT tá um jogo totalmente dependente da sorte e isso causa diversos problemas .
1 falta de autonomia do jogador , e muito estranho um jogo de estratégia vc não ter controle sobre os recursos que vc quer ou não usar, já que vc depende da boa vontade da roleta pra montar e upar sua composição, limitado totalmente sua tomada de decisão e fazendo vc ser dependente da sorte.

2 tira totalmente o gosto da vitória.
Afinal se vc e dependente da sorte pra joga o jogo então isso tira o mérito de quem ganha ou perde, fazendo que o resultado do jogo seja definido por quem teve mais sorte e não quem foi melhor.

3 o jogo perde a parte estratégica.
No jogo você e dependente da sorte em 3 situações ,a roleta dos campeões para comprar os campeões, os itens que dropam dos bot , e os campeões com itens da outra roleta . E estratégia nada mais e do que montar um plano baseado em seu conhecimento e recursos , mas como vou bolar uma estratégia se eu não dependo de algo fora do meu controle pra me dar o recurso que preciso .

Bem como concertar, manda a roleta de campeão pra PQP que não faz falta e cria um uma aba com todos os campeões do jogo , que vc pode comprar e escolher qual vc quiser , e os níveis dos campeões vão sendo liberados conforme vai passando os rounds ,
Ex : Round 2 libera os de raridade 2 , Round 3 libera os de raridade 3 e assim vai indo , os itens podem ser aleatórios.

Bem mas pro TfT melhorar temos que fazer nossa parte que seria reclamando com a Riot ( de maneira respeitosa sem ofender ninguém) mandando um ticket pois otem rioters que são pagos pra ler e responder os tickets então se muita gente mandar sua insatisfação com o método atual do tft os rioters vão ler e vão mandar para os superiores que vão ter que fazer algo a respeito.
16 RESPOSTAS

Boa tarde, qual o seu elo atual?

BRTT DO TFT
Tropa
Tropa

Boa tarde, qual o seu atual elo?

E o que isso tem a vê ? , Mas já que vc quer saber fiz a md5 agora então prata 4 , mas se formos conta o chess rush eu fui bispo que equivale a um diamante então eu tenho base pra falar. Pois já joguei mais de um auto-battler.

Era só p saber mesmo, diariamente eu tento aprender novas coisas para melhorar no TFT

se quiser trocar ideia 18h estou ONN no discord!


LINK: https://discord.gg/ZCM3QQwh

A sim obrigado pelo convite.
Dizzie
Lenda
Lenda

Jogo de azar só não é pior que jogo pay to win.

Minha teoria é que se a Riot deixou o jogo chegar a esse estado (e não foi por falta de feedback), é porque eles gostam do jogo exatamente como ele está.

Mas gostei bastante das suas sugestões e acho que elas melhorariam o jogo.

Só vê streamers do High Elo que tu percebe o quanto TFT é estratégia.
O ponto X do TFT é de se adaptar.
Saber ler o que o jogo tá te tanto e ganhar com isso.
Claro que há casos aonde a sorte pode definir o rumo de uma partida, mas o número desses casos deve ser de 1 jogo a cada 30.

Se tu depender de itens X ou peças X pra vencer, é porque você gosta de forçar composição, o que não é recomendável no TFT, ainda mais nesse set que uma peça chosen pode mudar tudo.

E sobre comprar o champ que quer, isso tiraria toda a estratégia e adaptabilidade do jogo.
Por que a estratégia seria rushar nível pra comprar todos os tiers 5 que quiser e xabum, snowball puro.

E meio complicado falar que e TfT e estratégico quando vc depende da boa vontade do rng (roleta) pra joga o jogo,

Quase todo jogo de TfT depende de sorte , no mundial da pra conta uns 15 casos onde rng influenciou no jogo , e pra um jogo competitivo isso e muito, vc pegar qualquer outro jogo
competitivo e a influência do rng no jogo faz parecer que TfT e um jogo de azar e não de estratégia.

E o modo que eu sugeri faria o jogador ter mais autonomia ser menos dependente do rng e mais dependente do conhecimento de jogo e como manipular sua economia, pois se ele rushar pra ter nível 5 vai atrapalhar a economia dele que ele poderia tá usando pra upa 2 campeões pro nível 2 ou 1 pro nível 3 , um campeão nível 3 e melhor nos status do que um nível 1 indiferente da raridade.




@Kiruki  escreveu:
Só vê streamers do High Elo que tu percebe o quanto TFT é estratégia.
O ponto X do TFT é de se adaptar.
Saber ler o que o jogo tá te tanto e ganhar com isso.
Claro que há casos aonde a sorte pode definir o rumo de uma partida, mas o número desses casos deve ser de 1 jogo a cada 30.

Se tu depender de itens X ou peças X pra vencer, é porque você gosta de forçar composição, o que não é recomendável no TFT, ainda mais nesse set que uma peça chosen pode mudar tudo.

E sobre comprar o champ que quer, isso tiraria toda a estratégia e adaptabilidade do jogo.
Por que a estratégia seria rushar nível pra comprar todos os tiers 5 que quiser e xabum, snowball puro.

O TFT tem estratégia, porém é uma estratégia baseada nos itens que você tem. E os itens são distribuídos por aleatoriedade. Logo sua estratégia é baseada em saber administrar a sua condição aleatória. É um sistema competitivo? Sim. É um sistema justo? Não.

Amo ver que vocês só reclamam da RNG.
TFT é se ADAPTAR!
Você não sabe quais peças tu vai comprar, quais itens vão vir e quais chosens virão, por isso você tem que saber se ADAPTAR com o que o jogo lhe trás.

Reclamar de que a roleta, as pedras são RNG é papo de quem olhar as comps do TFTatcitcs, pega uma Tier S e tenta forçar todo jogo.

Recomendo assistir: Disguised Toast, TSM Keane, zEmerson e Leko. Pode olhar que eles jogam toda partida de maneira diferente, mesmo fazendo comps parecidas; pois eles sabem analisar e se adaptar ao que o jogo te trás e como usar a RNG a seu favor.

Exemplos básicos de TFT:
Os estágios PVE dropam 3 itens. Se dropar 2 itens, você ganha peças custo alto e/ou muito ouro e/ou Neeko e no próximo estágio aumenta as chances de dropar itens.
Basicamente, contando todos os itens de estágio PVE, o padrão é 12 pra todos os jogadores, sendo que:
Se tu ganhou 11, é porque você ganhou pelo menos uma Neeko. Se tu ganhou 13, geralmente 1 é espátula.
É regra, não; mas é tão comum de acontecer que é esperado.
Agora é com você saber se adaptar com os 11 a 13 itens que você irá ganhar.

Sim amigo, entendo seu ponto.
O que estamos analizando aqui é o seguinte: Considerando jogadores de mesmo nível de habilidade e que jogam de maneira consistente... os que droparem os melhores itens vão ganhar.

Vou fazer a seguinte analogia:
Você tem 2 cavalos que são irmãos e quer fazer uma corrida entre eles.
Um você dá a melhor comida, o outro você dá comida barata.
Qual terá mais condições de ganhar a corrida? O que foi tratado melhor, logicamente.

A menos que os dois estejam fazendo a mesma comp, essa lógica não se encaixa.

Mas numa partida de elo alto, quando dois buscam a mesma comp, um dá slow roll e o outro upa de nível.
O que dá slow roll acaba fechando a comp e o que sobe de nível usa a comp pra migrar pra outra.
Agora se as antas ficarem no high roll, ambos tão jogando errado e brincando com a sorte e, como eu falei, depender da sorte não funciona sempre.
E nesse meta, torcer pra sorte pode custar muito caro. Só ver que Fortuna está horrível.
shieldguy
Aronguejo
Aronguejo

cara em qualquer jogo competitivo tem o fator de sorte/probabilidade, so que geralmente o fator sorte e pequeno e sua influencia não dita o jogo como um todo, oque dita geralmente o jogo e seu conhecimento de jogo, conhecimento mecânico, comunicação e trabalho em equipe variando do jogo, sabe qual outro jogo alem do tft e ditado pela sorte hearthstone , e adivinha o competitivo de hearthstone e uma piada ninguem da comunidade leva a serio o mundial de hearth stone ( por que o meta atualmente ah quase 2 anos gira em torno de  cartas que dão efeitos aleatorios ai são jogos e jogos de caras jogando efeito aleatorio em cima de efeito aleatorio ate da em um efeito que faça eles ganha o jogo) então  um jogo que gira em torno de rng do que de habilidade num e um jogo competitivo nem aqui nem na china vc pode me da 500 exemplos de jogadores tft high elo comparado com um sonic fox um tokido, um s1mple da vida são um bando de palhaços dependentes da sorte que num da 1/3 de um jogador  competitivo de verdade. 

e vc pode da 500 exemplos no fim se o cara vai consegui fechar a comp dele o não vai depende da boa vontade da roleta . ele pode jogar slow e a peça que ele quer pra usar ou pra upar num vem, e ele pode muito bem perde pra um cara que roletou que nem um doido e conseguiu 3 niveis 3  com ajuda da roleta. 

cara sinto muito so que o sistema e errado e num adianta querer defender, querer defender oque esta errado e comete um segundo erro.


@Kiruki  escreveu:
A menos que os dois estejam fazendo a mesma comp, essa lógica não se encaixa.

Mas numa partida de elo alto, quando dois buscam a mesma comp, um dá slow roll e o outro upa de nível.
O que dá slow roll acaba fechando a comp e o que sobe de nível usa a comp pra migrar pra outra.
Agora se as antas ficarem no high roll, ambos tão jogando errado e brincando com a sorte e, como eu falei, depender da sorte não funciona sempre.
E nesse meta, torcer pra sorte pode custar muito caro. Só ver que Fortuna está horrível.

Não é assim que funciona, amigo.

A lógica é bem simples: quem pegar os melhores bonecos e os melhores itens vai ganhar. E para isso você depende da sorte do carrosselzinho ou do drop dos monstros. Logo, toda sua capacidade de vitória está limitada aos itens que vem por RNG. É por isso que as composições são classificadas em ranks de qualidade: das mais fortes até as mais fracas no meta (isso já considerando estratégias como "high risk", "slow roll", etc). Quem pegou a melhor comp só agradece, quem pegou a pior só chora.

Amigo Estranho
Dragão
Dragão

Tá um **bleep** sim, porque tem muito fator de previsibilidade em um jogo que é baseado em RNG. Eis uma lista de coisas pra melhorar.

1 - REMOVER a mecânica do bond/fate que te dá 1 peça lvl 2 e mais chances de pegar essa peça. É interessante 1 peça que acelere sua sinergia, mas essa aceleração pode muito bem ser feita com itens e no meu ver os itens de espátula deveriam fazer isso em vez de ficarem presos a determinadas tribos.

2- O jogo pune muito quem fica na frente no early e late game, primeiro porque o jogador não causa o dano necessário pra reduzir o número de jogadores disputando peças/itens, segundo porque há um limite de ouro por acúmulo de vitória. Claro que há um limite pro acumulo de derrota, mas ainda assim é possível formar 3 fortunas e conseguir 1 única vitória que, essencialmente, te deixa mais rico que o 3º colocado e de quebra você tem prioridade no carrossel.

3- Não há mais temáticas de arena, é sempre a mesma bosta e sinto saudades das galáxias variantes.

4- Comprar poeira pra aumentar o nível da pequena lenda é muito caro, irracionalmente caro e totalmente fora de consideração se você lembrar que as skins das pequenas lendas são cromas preguiçosos sem animações individuais. Isso seria possível se separassem o TFT do Lol, mas deve haver algum ponto forte para não fazerem isso.

SAMULOKO
Tropa
Tropa

Simples e refutável, é como dizer que todos os jogadores de poker depende exclusivamente de quem dá as cartas e isso impossibilita gerar estratégia... enfim, poderia citar inúmeros exemplos para refutar.